Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

As obras do Metrô no Largo da Batata e imediações estão quase prontas, mas muita coisa está ficando pra trás. No passeio público da rua Sumidouro, no novo trecho que liga essa via ao largo, uma armadilha assalta os passantes. Quatro parafusos, mais grossos que os dedos do Hulk, irrompem do piso assessorados por um quadrado de concreto. Localizado estrategicamente, o colosso está diante da faixa de pedestres (que aliás, existe só na imaginação, não foi pintada no asfalto) e a alguns passos do ponto de ônibus. Ou seja, um aparato desenvolvido para enganar quem anda a pé por ali. Apanhadas de surpresa, as pessoas vêm olhando pra cima, preocupadas em não perder a condução, e acabam tropeçando fragorosamente no engenhoso dispositivo. Quando não caem, arrebentam o dedo. Essas empreiteiras muito conhecidas, agora reunidas e disfarçadas em “consórcios”, fizeram um servicinho bem meia boca nessa área, que é tão importante para o transporte urbano e o trânsito de milhares de pedestres. O poder público, que deveria fiscalizar e exigir, faz vista ainda mais grossa que esses parafusos.

Read Full Post »

Carros demais!

No livro O Poder do Mito, Bill Moyers entrevista o mitólogo e pensador Joseph Campbell:

— Na sua opinião, quais os mitos que vão incorporar a máquina no novo mundo?

— Bem, os automóveis adentraram a mitologia. Adentraram os sonhos.

De fato, parece inegável a relevância que os carros adquiriram em nosso tempo. O mais curioso, pra não dizer insano, é que o governo patrocina e comemora (com nosso dinheiro) os recordes de produção e venda das montadoras, quando deveria manter foco na melhoria do transporte público, das praças e passeios, da criação e manutenção de ciclovias etc.

Na Vila Madalena, já muito congestionada, irrompem novos condomínios residenciais e comerciais, o que faz pensar que os órgãos públicos não possuem um plano diretor ou sequer uma estratégia para o crescimento ordenado do bairro e da cidade.

Na rua Gonçalo Afonso, mais conhecida como Beco do Batman, alguém grudou nas paredes alguns desenhos de Andy Singer, compondo uma mensagem que provoca reflexão… O que lhe parece?

Read Full Post »

Na moral…

Brinque de ser sério e leve a sério a brincadeira!
                                                                    (Rita Lee)

A rigor, nem precisamos de leis: sabemos o que é razoável. Não é sensato estacionar sobre a faixa de pedestres, pôr o lixo fora do horário, “varrer” a calçada com água corrente, abandonar o cocô do cachorro etc…  que lembra CET: nos finais de semana, há apenas dois agentes cobrindo Pinheiros, Vila Madalena e Lapa. Não é diferente com outras instituições públicas. Ora, tudo bem, a gente se entende sem ninguém vigiando – isso idealmente, porque na real…  Mas a frustração acabou! rsrsrs… Com um talonário desses no bolso (clique na imagem para ampliar), talvez seja possível difundir uma convivência mais equilibrada entre todas as espécies de nossa floresta. No fundo, antes de punição, temos de nos desenvolver mais e mais como cidadãos. Quem sabe isto ajuda. 

 

 

 

 


A procura surpreendeu a gerência!
Mandamos fazer um tanto, mas já foi tudinho de oliveira.

Quer um talonário pra você?
Acesse o link abaixo e faça o download 
do PDF. Está em preto  e branco, basta pedir impressão em papel amarelo claro.
https://arvoredavila.files.wordpress.com/2010/05/multa-moral.pdf

Read Full Post »